2009/05/05

clube dos pensadores - colaboração

video
(texto integral em clube dos pensadores)
Hoje, 6Maio2009, debate no Rádio Clube de Matosinhos - entre as 19-20h
...
Anda toda a gente aos gritos, que este País está uma miséria, que o Governo nada faz, o que faz está tudo mal feito, etc, etc. A verdade é que se começa a perceber que o próprio Governo anda à nora e já se apresenta com sintomas de cansaço.
É nestas circunstâncias que já há quem pense seriamente, que, em Portugal, é chegada a hora do BE. Que temos aqui, mesmo à mão, a tábua salvadora!
O Bloco de Esquerda, tal como o conhecemos, ideologicamente e nas suas personalidades, terá condições objectivas para poder participar duma solução alternativa ao actual Governo?

Que nova forma de governar teremos pela frente? Será que se vai conseguir que o Povo se venha a empenhar numa campanha séria para escolhermos a mais favorável à saída desta malfadada crise?


António Santos Nunes
Leiria
(Ler na íntegra no blogue "clube dos pensadores")

4 comentários:

M Lourdes disse...

Olá mano,
O teu sentimento em relação à situação política, social, económica que atravessamos é, certamente partilhado por uma grande parte dos portugueses. Também não penso ser o BE a alternativa ao governo, mas pode ser um voto de contestação às suas políticas. a minha alma foi sempre do PS, continuo a sê-lo, mas não deste PS, não do PS de Sócrates.
Sermos críticos é sinal de que estamos vivos, por isso António, gostei de ver a tua ligação a este blog. Parabens
M. Lourdes

Clube dos Pensadores disse...

Gostei do seu texto muito similar a alguns dos meus pensamentos .

Vamos manter a nossa parceria . Quando quiser envie-me um texto .

Ao dispor e obrigado

JJ

Viviana disse...

Olá António

Sim, a verdade é que não temos muito por onde escolher.

Ao longo destes 35 anos de "Liberdade", já vimos "O que a casa gasta"...

os governos que lá estiverm governaram-se... e o povo, o povo, veja onde, e como está.

Sempre na cauda da Europa.

E porquê?

Porque para quem tem tido o comando do País na mão, o povo não conta, o que conta são os seus interesses e os seus "grupos".

Mas enfim, vamos tentar cortar este ciclo.

Creio que temos que pedir a ajuda Divina e ser sensatos e sábios na escolha.
Eu mantenho a esperança...

Tenha um lindo dia

um abraço

viviana

Nota:

Muito obrigada pela sua visita ao meu cantinho, pelo comentário deixado, e por entrar na Lista dos Seguidores do blogue.

ManuelNeves disse...

Viva!

Tema deveras importante este.O BE, pode ser uma voz diferente no Parlamento.O País está demasiado bipolarizado para o BE ser uma alternativa governativa, neste momento. No futuro tudo depende da postura do BE e dos seus deputados, uma elite intelectual de esquerda, sem dúvida, com ideias concretas para Portugal, mas que ainda falta provar que são "diferentes" dos outros. Que não são mais do mesmo. Parece-me no entanto um partido da esquerda moderna, que pode ter um papel importante no País.
Desta vez não caírei na cantiga do voto útil, votarei segundo a minha consciência mais pura.

Um Abraço
ManuelNeves