2011/10/22

Sinais dos tempos?




Clicar para ampliar, pode ser que encontre algo que interesse. Os preços parecem ser em conta!
Posted by Picasa

6 comentários:

Luís Coelho disse...

Bom dia Nunes
Isso não se cria só com água.
è preciso estrumar a terra e sulfatar as plantas.
Estamos num tempo em que os bichos comem primeiro que os lavradores.

Agradeço a tua oferta de ajuda. Penso que ainda o não fiz publicamente. A solidariedade dos amigos foi maravilhosa e com o técnico tudo se resolveu.

Isabel Soares disse...

Acho que me fico pelas batatas...
Já sei a que porta bater, quando se verificarem as restrições anunciadas pelo nosso primeiro... (lol)
Será por isso que cada vez que abro este blog me é oferecido um curso prático de nutrição? :)
Só que eu não preciso de aprender a comer, preciso é de aprender a deixar de comer :)

as-nunes disse...

Luís

Caro Luís, aquelas batatinhas foram agora apanhadas enquanto andava a preparar um bocadinho de terra para semear nabiças (não sei se vai no tempo) e outras novidades (tenho que consultar o borda d´água).
Essa de ser necessário estrumar a terra já a conheço há muitos anos, a questão é que a compostagem não tem dado para tudo.
Estou a tentar evitar o adubo.

Abraço

as-nunes disse...

Isabel

Bem, antes de mais, convém colocar aqui um ponto de ordem.
Estas batatas criaram-se - ia a dizer espontaneamente, mas é claro que ninguém acreditava - ao acaso, talvez tenham sido umas cascas que ficaram na terra e lá deram meia dúzia de tubérculos. Claro, aproveita-se tudo o que for comestível.
Portanto, fica claro que isto aqui não pode ser «o da Joana»...

Quanto a aprender a deixar de comer esperemos que não seja necessário!
-
Então este meu blogue está a oferecer cursos de nutrição?
Ai estes malandros dos pop-up!...

Convém ter por aí um anti-vírus, spyware e outros infestantes da Net. Ou então é a Blogger que ainda não os eliminou com os seus anti-spam automáticos do sistema!

carol disse...

Sim senhor! Assim e que é! A seguir os conselhos do senhor presidente: toca a virar para a ingrícola... Por mim, estou tramada que não sei semear nada nem tratar da terra. Digo como a Isabel: já sei onde ir bater se me vir aflita...

Isabel Soares disse...

Pois claro, "carol" - Com sua licença, António - vimos as duas pedir "batatinhas" (dantes era bolinho) a esta porta. Não é que isto aqui seja "o da Joana", é o do António, o sítio do António (lol). Tenho acerteza que ele não nos vai dar com a tranca no ... toutiço!