2012/06/19

UNIÃO DESPORTIVA DE LEIRIA - Toque a reunir!...


UNIÃO DESPORTIVA DE LEIRIA

APELO URGENTE AOS LEIRIENSES

(retirado daqui)
Está na ordem do dia falar-se de futebol, mas não é só porque temos a Seleção Nacional de Futebol Senior empenhada a fundo no Euro 2012, que me leva a deixar aqui esta nota, em jeito de apelo. 
Estou a pensar particularmente na honra e glória do emblema da União Desportiva de Leiria, neste momento posto nitidamente em causa, e no  reconhecido interesse social e humano representado pela Academia  de formação de jovens no gosto pela boa prática do Futebol, sempre com o objetivo de complemento da sua formação como pessoas sociáveis e capazes de enfrentar e superar os desafios que a vida lhes vai colocar pela frente.

Como se sabe, a SAD da UDL tem sido um feudo, há muitos anos a esta parte, do snr. João Bartolomeu. A mim, como amante das coisas de Leiria, agora por maioria de razões, porque tenho vindo a acompanhar a carreira do meu neto e dos seus colegas e amigos, nos escalões de formação, neste momento nos iniciados, está-me a causar muita perplexidade o que se está a passar com a União Desportiva de Leiria, que tenho seguido desde que vim para Leiria em 1966, por acaso o ano da sua fundação como Clube.

E, pelo que noto, nem os próprios Leirienses, se estão a aperceber do enorme capital desportivo, humano, turístico e económico que está em causa e que se está a desbaratar com a crise que grassa em Leiria, ao nível dum clube com as tradições e potencialidades que lhe têm de ser reconhecidas. 
Incontestavelmente.

É profundamente lamentável o estado deplorável a que o snr. Bartolomeu levou o nome da União Desportiva de Leiria, ainda que pela via da SAD.

Durante a minha vida de quase 50 anos de Leiriense tenho participado, na medida das minhas possibilidades e limitações inerentes à minha atividade profissional, na maior parte das Associações Desportivas, Recreativas e Culturais desta região. Confesso que me acomodei, reconheço agora que em demasia, mantendo-me, nos últimos anos, à margem das vicissitudes por que vão passando as Direções destas Associações, concretamente a União Desportiva de Leiria.

Penso que é tempo de voltarmos - nós os que já nos estávamos a reformar e a preparar para descansar os anos do resto das nossas vidas ativas - à carga, e fazermos das tripas coração para darmos o nosso contributo com a experiência que a vida nos tem proporcionado e que, pelos vistos, nos está a solicitar com mais vigor ainda  através do nosso empenhamento decidido nos destinos do Clube que os deverá representar, nas suas ambições de momentos de alegria, de convívio e de fama.

Fica aqui este singelo repto aos Leirienses e aos amantes do Futebol em particular.
Não podemos deixar que a União Desportiva de Leiria acabe desta maneira inglória e desprestigiante, para que parece estar a ser empurrada.

Vamos engrossar as fileiras desta União à qual tantos Leirienses deram o melhor das suas vidas?

Pela minha parte respondo SIM.


nota:
A Seleção Distrital de Leiria, no escalão de iniciados, formada na base de jogadores da UDL, vai participar num torneio na Ilha de S. Miguel, Açores, durante a próxima semana. O Moura faz parte do lote dos convocados.
@as-nunes

2 comentários:

Rogério Pereira disse...

Não sou Leiriense... e por isso estive quase a não comentar. Desconhecendo o sentimento (e até razões) louvo o acto público, como acto de cidadania...

as-nunes disse...

Obrigado, caro Rogério, pelo apoio moral.

Esta cidade, melhor esta região precisava de se unir em volta dum clube desportivo de Futebol (até porque escusam os arautos do "fado" do futebol de continuar a dedilhar as suas guitarras, que o Futebol há-de ser sempre o futebol, com todos seus vícios, mas também muitas virtudes, se devidamente aproveitadas) para sair do anonimato a que se está a remeter.

É preciso que as pessoas se envolvam em iniciativas que projetem as suas vidas, a sua região, a economia desta terra.

Infelizmente, sem Economia não há desenvolvimento...