2013/02/02

Leiria: O desencanto dum recanto encantado

Assim era, antes do último temporal que se abateu sobre grande parte de Portugal, um dos recantos mais encantados de Leiria. Ver aqui e aqui
(Este conjunto arbóreo é dos mais diversificados e harmoniosos de Leiria:
- dois padreiros, falsos plátanos 
- dois Ácer negundo
- uma tília
- uma faia púrpura
- uma melia azedarach
- um liquidâmbar
- a saudade da outra faia, agora está lá o sítio, não houve a preocupação de lá plantar outra em sua substituição.
escrito em 16-4-2011. Ver link)


 No fatídico dia 19 de Janeiro de 2013, a faia púrpura, que tanto embelezava este belo recanto do marachão/Jardim Luís de Camões, terá ficado destroçada pelos ventos fortes que fustigaram toda esta zona. Assim acabou a segunda faia púrpura que compunha um conjunto de árvores, talvez o mais belo e romântico de Leiria. Não deve ser essa a opinião do departamento paisagístico do município de Leiria. O tempo vai passando e as duas faias e a melia azedarach que morreram, não foram repostas ... 
Lamento. Muito. 


Este é o aspeto atual do conjunto deste recanto de Leiria, que já foi um encanto ...
Que desencanto! ...
@as-nunes
-
em 26-07-2015 publiquei o que consta no seguinte endereço: https://www.facebook.com/orelhavoadora/timeline/story?ut=43&wstart=0&wend=1438412399&hash=1011639341059860626&pagefilter=3

2 comentários:

Catarina disse...


E provavelmente nunca serão. Falta de verbas? Negligência?

as-nunes disse...

Olá Catarina. Bem vinda. Pois, receio bem que se esqueçam completamente daquele recanto.

As pessoas estão a ficar muito insensíveis à necessidade premente de se cuidar do reforço da ligação do Homem à Natureza. Nós somos um elo da Natureza, simplesmente.