2013/12/26

Figueiró dos Vinhos - 12 Dezembro 2013: Apresentação do livro de Arménio Vasconcelos "Contos de reis, reais, d´amores"


Fragmentos da capa e contracapa do livro "Contos de reis, reais, d´amores"

A montagem-vídeo que se seque pretende constituir-se num documento/reportagem da sessão de apresentação do último livro e Arménio Vasconcelos. A sessão teve lugar na Casa da Cultura em Figueiró dos Vinhos, no dia 12 de Dezembro de 2013.



-
Também pode ter interesse em observar aqui
-
Tive oportunidade de fotografar o snr. Artur Santos Mateus,  a que o autor se refere no conto "Cinco tostões para cinco réis de gente - ainda está gravado na lembrança..."; 




aprecie-se a exposição emocionada de Arménio Vasconcelos, que se pode ouvir no vídeo supra, a partir dos 6,25 minutos. Este conto tem como personagens centrais o grande pintor José Malhoa 



(tão intensamente ligado a Figueiró dos Vinhos) e Artur Santos, que foi quem acabou por colaborar com as suas lembranças para que este conto memorial e biográfico (pp135 a 141) ficasse registado a letras de forma escritas neste livro.
-
Tanto que se poderia escrever sobre este livro, apresentado com extrema clareza e entusiasmo pela Dra. Celeste Alves (ver vídeo na primeira parte)! 
Vou deixar aqui dois ou três aspetos basilares:
1- Edição conjunta da "Academia de Letras e Artes Lusófonas - ACLAL" de que me orgulho de fazer parte, sendo seu membro fundador;
e dos Museus Maria da Fontinha e de Almofala (Além do Rio, Castro Daire - Portugal);
2- Pode ler-se sobre estes museus e a ACLAL seguindo os links:
ACLAL
Museu Maria da Fontinha
Museu de Almofala 

nota: prometi enviar a fotografia ao snr. Artur. A ver se não me esqueço de lha mandar; claro, terei que a imprimir em papel e mandar-lha para a direção que me deu (um cartão em que ainda se apresentava como colaborador do "círculo de leitores"). Também fiquei a simpatizar com ele, Arménio. Tenho pena de não ter visto os tais cinco tostões...

@as-nunes

3 comentários:

tulipa disse...

Cada ano que termina faço um balanço.
Pessoas saíram da minha vida
Outras entraram…vêm dar outro sentido aos meus dias.

Tomara que em 2014 outras pessoas
venham caminhar lado a lado comigo e que tragam boas intenções.

2014
vai chegando, devagar
tal como as imagens mostram
haverá "CAMINHOS" a seguir
uns mais coloridos e outros mais sombrios
a questão é:
qual dos dois escolher...
tomara que eu siga pelo melhor caminho!

http://pensamentosimagens.blogspot.pt/

Feliz 2014 cheio de realizações!

as-nunes disse...

Já fiz tantos balanços, tulipa!

Acabam todos por ser, invariavelmente, meras fotografias dum momento (ou conjunto de momentos sintetizados num outro, recordatório)...

Mesmo assim é imperioso que se balanceie a vida. Quanto mais não seja para tentar descortinar novos rumos a dar ao passo seguinte. Conseguimos antever o momento seguinte? Não!...

Vivamos a vida.
Somente!

Desejo-lhe um Bom ano de 2014 da era de Cristo!

Elvira Carvalho disse...

Passei para deixar um abraço e desejar que o novo ano seja de paz e tranquilidade para todos. Que a humanidade encontre o caminho para um mundo mais justo e fraterno. Feliz 2014