Mostrar mensagens com a etiqueta carolina. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta carolina. Mostrar todas as mensagens

2015/12/21

Alice e Carolina, os seus desenhos em dezembro de 2015


A Alice também não se deixou ficar para trás.


O avô Tó visto pela Carolina enquanto esperávamos que a família se juntasse para o Aniversário do tio Paulo.

2012/11/29

Conhecem o "piritóritári"?



 A minha neta Carolina, 5 anos, entrou no carro, na companhia da avó. Fomos buscá-la à escola, que esta semana é por nossa conta. Uma semana nós, outra semana a avó Lucília.

Vinha toda entusiasmada porque levámos connosco a Tina, uma cadelita muito meiga e mexida, que se saracoteia toda quando lhe dão mimos. As duas são muito amigas.
Também trazia na mão um desenho que fez na escola e que me  mostrou, na expectativa de eu lhe dizer da minha avaliação. Habitualmente sou o seu crítico de arte, de modo que ela fica logo à espera de poder trocar umas impressões comigo.
E disse, muito segura:
Na parte superior:
- mala que dá luz;
- pássaro que brilha:
- carrinho com a rena, a voar no céu;
- Pai natal (falta acabar);
- também faltam mais renas;
Na parte de baixo:
- árvore de Natal;
- carro-cavalo, com chapéu
(Mas, atenção, do carro só contam as rodas, o resto é mesmo o cavalo e com chapéu); a completar este conjunto há dois elementos que são também muito importantes: uma bomba de ar para encher os pneus do carro e uma “coisa” necessária para este equipamento andar rápido;
- animal do Natal chamado “piritóritári”;
- cama que manda para o céu a pessoa que lá dorme e que se chama Kika;
- A Carolina com um vestido muito colorido, que assim é que é bonito; também tem cinto.

E pronto. Perguntei-lhe se me deixava pôr este desenho na internet. Que não, que queria levar a folha com o desenho para casa, para acabar o que faltava.
Tirei logo ali uma fotografia do desenho e mostrei-lho no lcd da máquina. Está bem, isso podes pôr na internet.
Jc tm

2012/01/21

Tudo isto é vida, Leiria de ontem, de hoje, de sempre...




Passámos a tarde
com a Carolina
a fazer horas
a distraí-la
os pais no trabalho
havia que dar tempo
para as horas passarem
e passeámos o tempo
pelas ruas
da Graça
Vasco da Gama
Cândido dos Reis
Gomes Freire
jardim do Rossio
de Luís de Camões
e do Pastor Peregrino
e das tílias
e do meu Ulmeiro
e da árvore do gelo
e da serradilha
praças
e calçadas
do centro de Leiria
5 de Outubro de 1910
Rodrigues Lobo
Miguel Torga
Afonso Lopes Vieira
azulejos nas fachadas
pormenores
varandas
lampiões


chegou a hora
da ecografia
correu tudo bem...


@asnunes 

2011/11/04

Um desenho da minha neta Carolina

4 anitos. Jardim infantil. Adora lá andar. O desenho é uma forma natural de se expressar. É vê-la a gastar-me as folhas A4 que uso para imprimir trabalhos na impressora digital. Já desisti de lhe recomendar que não me gaste tanto papel. Com o seu ar matreiro e bonito convence-me sempre e não precisa de se aplicar muito.


Este desenho representa a avó Zaida, está tudo dito.
Também desenha o avô Tó, sem esquecer que tem de realçar o pormenor da careca.


Parece-me que tem mãos para o desenho, a cachopa. Às tantas sai à mãe, que é Designer e até já fez umas incursões pela pintura.
Porque não pintas mais telas, Ana?!...
@as-nunes

2011/07/26

A Carolina, futura artista plástica?

(clic para ampliar - vale a pena)

Tem a quem sair.


O pai (o Bruno, meu filho) tinha muita imaginação que revelava, em criança, através do desenho, hoje em dia, através da programação de jogos de computador.


A mãe (Ana Catarina Dâmaso) , excelente pintora (exageradamente recatada, talvez), ao mesmo tempo designer de cerâmica de reconhecida qualidade.
-
Ah, já me passava da ideia referir-me ao contexto em que este desenho aqui veio parar:


Estávamos os dois, eu e a Carolina, agora que está de férias do infantário, no meu escritório, em secretárias separadas.

- Toma lá, é p´ra ti!

E lá foi espairecer um bocado, a brincar com os gatos..a Ema e o Ivo.



@as-nunes
Posted by Picasa

2011/05/04

Lourais: registo de nascimento de mais uma ninhada de gatos. Um deles já tem nome: "FMI"

A ninhada recém-nascida...o mais novo nasceu cerca das 8 horas da manhã.
A primeira carícia da Carolina.
A Riscas não gosta muito de ser fotografada!...
Registo de nascimento duma ninhada de gatos num jardim, algures nos Lourais, na freguesia de Barreira, Leiria.
Quatro gatos, presumivelmente 3 gatos e uma gata, filhos da Riscas. Aqui foi abandonada, bebé, há uns meses, sempre muito desconfiada, fugidia. Aqui foi crescendo, e agora eis que nos "presenteia" com quatro filhotes, nascidos na madrugada de hoje, dia 4. Como podem ver são bem desenxovalhados!
O nome da mãe foi-lhe dado pela Carolina, minha neta, 4 anos de idade.


Mais 4 bocas a sustentar. Precisa-se de ajuda! 
Daqui a 3 meses, estarão aptos a serem adoptados. 
Assim apareçam voluntários, que bastante jeito nos davam!
O contacto pode ser via e-mail.
Vou dando notícias...
-
A propósito, o gato da 2ª foto já tem nome. Chama-se "FMI"!...
@as-nunes 
Posted by Picasa

2010/04/27

Barreira - Leiria: Um jardim-horta-capoeira-santuário

Melhor se pode perceber clicando aqui

O 1º ovo, ante-ontem,
duma galinha poedeira,
quem o comeu?
 A Carolina,
3 anos de vida

por aqui vão vagueando
 e cantando os seus trinados
 toda a espécie de passarada
autóctone ou de arribação
Tendo-se clicado no link acima sugerido pode-se fazer a comparação entre o aspecto da horta, nestes dias, com o que era em 13 do mês passado. 
É uma das pequenas grandes emoções da vida aquela que consiste em acompanhar, com todos os sentidos,  as metamorfoses por que vai passando a Mãe Natureza a par do seu eterno companheiro: o Tempo.
Posted by Picasa

2010/04/24

LEIRIA do meu encantamento


Rio Lis desde sempre
O Lis do presente
Largo 5 de Outubro de 1910
Largo da República rejuvenescida?
Posted by Picasa (clic para ampliar - Vê-se muito melhor e em pormenor)
---
em tempo:
mais sobre este largo aqui

2010/03/21

POESIA MIMOSA...

No Centro de Portugal, no lugar de Orgens, como resistir a fotografar este belo efeito? Uma Mimosa a recortar-se numa moradia pintada com cores em tom de amarelo, arredores de Viseu ainda campestres!...
...
Mimosa flor de poesia ramos de um sol perfumado
Dando inicio à primavera desabrocha toda em flor
Como rimas de um poema de um verso tão amado 

Daqueles que fazem chorar ninfas musas de amor
...
( Retirado daqui:  "Mural dos Escritores"; de que passarei a fazer parte a partir de hoje se for aprovada a minha candidatura. Talvez pretensão demasiada, a minha!)

Da janela do meu quarto...todos os dias observo as alterações que o Homem e a Natureza vão provocando nesta idílica paisagem rural...
Mesmo no limite da chamada zona urbana da cidade de Leiria, freguesia da Barreira.
No Adro da Sé de Leiria, num dos próximos passados maravilhosos dias de Sol...
Dá-se o caso singular de, precisamente hoje, a Carolina, ter comemorado 3 aninhos...
Quando esta foto foi tirada, não pensava usá-la num post deste blogue. Mas, vejam a coincidência, talvez algo telúrica: na casa com frontaria de azulejos azuis nasceu em 1863 o grande poeta Acácio de Paiva. Nesta foto podem ver-se a sua sobrinha-neta, Zaida (*), acompanhada de uma sua neta. 
 (clic nas fotos para ampliar)
"...Não.  O poeta procura dialogar com o seu leitor como se em verdadese encontrassem juntos num colóquio ou numa tertúlia de amigos:
... ... ... ... ... ...
Crede: - Leiria é digna de visita.
Não exibe a riqueza deslumbrante
Que cega e oprime, que entontece e grita,
E chega a amedrontar o viandante...
Mas é... como direi?... bem comparada...
         Uma Cidade-Flor!
         É pequenina:
- Mas tão airosa, amável, perfumada,
Como gentil grinalda de menina!
... "
Ler "ACÁCIO DE PAIVA - Um Crédulo Perdulário", de Américo Cortez Pinto, 1968 + Mais informação se pode obter usando no motor de busca deste próprio blogue :"Acácio de Paiva".
(*) Com poesia publicada e muita mais escrita. Talvez que a veia poética de seu tio-avô tenha chegado à sua própria veia, pelo éter, através do Tempo!...
Posted by Picasa

2007/03/17

Olá Carolina!...

Bom dia, Carolina!
O teu pai já te nos apresentou em foto. Estás linda!
O Mundo a que estás a chegar vejo-o, neste momento, como estas flores de orquídea, que acabei de fotografar!
Vamos a caminho para te ver ao vivo!
Sê bem-vinda! Que sejas muuuiito FELIZ!...

Posted by Picasa

2007/03/15

A nossa ALDEIA!...

ANTES de MAIS:
A CAROLINA NASCEU. ESTÁ BEM E A MÃE TAMBÉM! (16/3/2007 19h+-)
-
Os blogues e a Internet
Quanto talento!
Quanta inspiração!
Quanta informação!
Quantas estórias!
Quanto fanatismo!
Quanta música!
Quantos poemas!
Quanta beleza!
Quanta fotografia!
Quanto desabafo!
Quanta melancolia!
Quanto entusiasmo!
Quanto jornalista!
Quanto/a…!

Eu, nós e o Mundo! As nossas tertúlias bloguísticas!…
Cada dia que passa me sinto mais pequenino nesta aldeia global dos blogues e da Internet em geral!…
Mas, tal como o deserto não o seria se as suas areias, uma a uma, não existissem, também eu não quero ceder à tentação de me cingir à qualidade de mero observador!
E passar os restantes dias da minha vida a assobiar para o lado?!
E seguir, rumo a nada, indiferente às alterações de toda a ordem que, insaciavelmente, a velocidades estonteantes, o Homem vai inventando, ele próprio induzido pela sedução de prosperidade fácil e rápida que a tecnologia lhe há-de proporcionar!…
Insensatos!?…
Aqui estou!…Aqui nos vamos encontrando!...
-
Na foto: como é possível tamanha insensibilidade? Colocar um recipiente de lixo em frente de um painel de azulejos pintados com motivos alusivos aos caminhos de ferro, épocas passadas, colocado na parede exterior da gare da estação de Leiria! É que aquele recipiente tapa a visibilidade do painel! Inconcebível!

Com tantos locais para colocar o inestético recipiente e logo foram escolher aquele sítio?!!!!!!.... É caso para se perguntar: São parvos ou quê?!

Como é que se pode ficar indiferente a tamanha estupidez?! Será que alguém com competência para reparar esta burrice acabará por dar conta deste apontamento de blogue?
- Entretanto...
Que querem, sou Benfiquista!?

2007/03/13

83 ANOS de VIDA

O meu pai, Daniel, faz hoje 83 anos de vida. Nesta altura deveria ter uns 23 anos, digo eu!
Telefonei-lhe hoje, de manhã. Atendeu-me do Hospital S. Teotónio em Viseu. Assustei-me. Estava lá a visitar um irmão mais novo, 80 anos, o meu padrinho Serafim. Parece que está com problemas respiratórios, espero que não seja nada de grave. A ver se no próximo Sábado conseguirei estar com o meu "velhote" (o mesmo já dizem de mim, os meus filhos). Esta semana está a ser assim a modos que agitada. Também está por aí a "aparecer" a Carolina, ja está a atrasar-se, pelos vistos. Bem, é mais dia menos dia...
É assim a vida!

Posted by Picasa

2006/11/22

"O sonho é ver as formas invisíveis" - Fernando Pessoa

A Carolina vem a caminho.
Vou ser, mais uma vez, avô no feminino!
Estou muito contente!
E a avó, toda vaidosa, já foi “pôr a render” algumas economias!
Olhem-me só para isto!...




Do Sonho à Realidade

Em sonhos eu vejo-te
em sonhos eu sinto-te
em sonhos eu oiço-te
em sonhos eu sorrio-te
e tu sorris-me

Em sonhos vejo-te
e já te amo muito
Carolina

E sonho com o dia
em que,
milagre da vida e do amor,
poderei ver-te, sentir-te,
abraçar-te…
e orgulhar-me
de ser novamente
AVÓ.

Zaida