Mostrar mensagens com a etiqueta grap. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta grap. Mostrar todas as mensagens

2010/06/25

NACIONALITO DE FUTEBOL 7

Enquanto na África do Sul se desenrola o Mundial de Futebol, alguns de nós andamos por aqui, neste cantinho de V. R. Sto. António, a ajudar a levar a cabo um Torneio de Futebol com crianças até aos 12 anos. Estão presentes equipas de todo o país, incluindo Benfica, Sporting e Porto. A Final de Sub-12 vai ser amanhã, entre o Benfica e o Porto.

Os Sub-12 do GRAP - Pousos - Leiria, quando agradeciam os aplausos dos seus acompanhantes, familiares e amigos, após um jogo.
-
As selecções de craques da bola do BRASIL e de PORTUGAL acabaram de empatar a zero golos e passaram as duas aos oitavos de final do MUNDIAL da AFRICA DO SUL.
Posted by Picasa

2010/04/18

Futebol, Fado de Coimbra e a Natureza

clic para ampliar

Já hoje, os amantes do Futebol, os que vivem as derrotas e as vitórias dos seus clubes de eleição, aos quais se sentem ligados vá-se lá saber porquê, irão assistir ao jogo mais ou menos decisivo, quer para a Académica de Coimbra, quer para o S.L. Benfica, em Coimbra precisamente.


Ontem, Sábado, assisti a um jogo de torneio particular, em sub 12, entre o G.R. Amigos da Paz - Pousos - Leiria e o União de Leiria. O meu neto Guilherme (Moura) joga no GRAP. Mostro-vos esta foto pelo maravilhoso enquadramento do campo de futebol e as árvores que o rodeiam, particularmente um belo choupal.


E veio-me à ideia, Coimbra, o seu celebrizado Choupal, os seus poetas e prosadores, os seus Fados ditos de Coimbra. Que sempre que tenho oportunidade gosto de ouvir cantar.


À minha frente, tenho, neste preciso momento, o livro de Afonso de Sousa, "O Canto e a Guitarra na Década de Oiro da Academia de Coimbra (1920-1930) " editado em 1986. Afonso de Sousa nasceu em Leiria em 24 de Junho de 1906 e licenciou-se em Direito na Universidade de Coimbra em 1930. Fez parte de uma geração académica, a que pertenceram alguns dos seus mais famosos cantores e guitarristas, com os quais fez, como acompanhador à guitarra e à viola, inúmeras digressões pelo país e pelo estrangeiro.


Neste livro escreve, a dado passo, Afonso de Sousa, referindo-se à voz de Lucas Junot, como cantor com inflexões ligadas ao sertão ou à planície sem fim do sertanejo Brasileiro, de onde era natural ainda que radicado em Coimbra desde tenra idade:
"...meditarmos na intuição lírica revelada neste poemazinho de sua imaginação, que adequou à melodia do Fado de Santa Clara, música de Francisco Menano, e que perdurará por gerações vindouras:
.
Eu ouvi de Santa Clara
gemidos de alguém que chora...
Era a Rainha pedindo
por mim a Nossa Senhora
."


A ver vamos quem vai ter de pedir 
a Nossa Senhora.
Se a Académica para não descer de divisão,
se o Benfica para ser campeão!

.

Posted by Picasa

2009/06/29

Escolas de Futebol na Educação de Jovens

A SEMANA PASSADA foi ocupada a acompanhar o meu neto e os companheiros de equipa e a equipa técnica num torneio de futebol denominado "CopaFoot21".

A minha missão principal: fotografar.
Já me disseram que até tenho boas fotografias das várias fases que vivemos naquelas andanças entre Monte Gordo e o Complexo Desportivo de Vila Real. Muito bem idealizado, sem dúvida.

Só não gostei, muito sinceramente, foi daquele jogo com que abriram este Torneio. Dum lado antigos jogadores, locais e de outras equipas, alguns, ouvi mas não os reconheci, até já foram vedetas de Futebol de 1ª Divisão. Do outro, o actual Presidente da Câmara, não sei quantos vereadores, penso que o Presidente da Junta e por aí adiante.

Aproveitei a deixa e eu e uns amigos que por ali estávamos, como o dito jogo ia demorar aí uma meia hora, aproveitámos e fomos dessedentar-nos. Estava um calor sufocante, nesse dia 20 deste mês de Junho. Ao contrário, hoje, está de má catadura - aqui em Leiria e no resto do país - para um dia de Verão, que se desejava mais bem disposto.
E os putos, entre os 6 e os 12 anos, ali estiveram à espera, até que o Torneio (desculpem, Copa-Foot21) fosse declarado aberto.

Ora bolas! Tinha-se dispensado perfeitamente essa finta!...

As equipas entravam em campo, diziam-se umas palavrinhas de boas-vindas e algumas notas, fazia-se a festa das claques, que as havia e boas (a do Sporting de Tomar é que ganhou a medalha) e pronto. Estava a abertura feita.
Condescendendo um pouco, até podia ter havido um jogo, já a contar para o Torneio. Sempre se batiam umas palmas aos nossos jovens. Ao fim e ao cabo a única razão da nossa ida por uma semana para o Algarve, a olhar por eles, a colaborar com a organização.
Um complemento da Formação destes homens de amanhã, a pretexto do convívio, disciplina e prática desportiva em competição amigável, era o horizonte dos nossos OBJECTIVOS.

O "GRAP - Grupo Recreativo Amigos da Paz" - Pousos - Leiria está de parabéns, particularmente a equipa técnica das Escolas A (11 anos), que meteram mãos à obra, de alma e coração.
O Beto, como Director Técnico, o Pedro Paraíso o "Mister" dos miúdos e o Marco Estrela, como treinador dos guarda-redes, fizeram uma tripla fantástica!
Sem esquecer os pais, claro está! E alguns avós (2)!

2009/06/24

Futebol junvenil em V. R. Sto. António

Da esquerda para a direita:

1) Claque do GRAP, os pais e irmãos e dois avós;
2) A mesma claque a chegar ao Estádio do Complexo desportivo de Vila Real de Sto. António;
3) A equipa das Escolas do GRAP (Grupo Recreativo Amigos da Paz - Pousos-Leiria) momentos antes do 2º jogo do grupo em que estavam integrados;
4) Alguns jogadores do GRAP a festejar um golo, o árbitro a contar o tempo e o desânimo de um dos pequenos da equipa adversária, que perdeu 4-1.

...
Estamos de partida do Hotel para o próximo jogo.

O convívio entre jovens e os próprios adultos que os acompanham, tem sido formidável. Só por isso esta a valer a pena a enorme canseira a que estamos sujeitos.

Até já.
Posted by Picasa

2008/12/11

Caranguejeira - Leiria (ou o Futebol de 1966 a 2008)




Posted by Picasa
Na passada 2ª feira, acompanhei o meu neto Guilherme à localidade da Caranguejeira, aqui perto de Leiria, já que ele foi convocado pelo treinador do GRAP (Escolas 10 anos de futebol) para integrar a equipa de futebol de sete para o jogo com os rapazes da mesma idade do clube da terra. Já tinha passado, a correr, pela Caranguejeira. Mas fiquei agora a conhecer esta localidade e outras próximas mais de perto.
Não estranhem, amigos visitantes deste blogue, que eu, nestes tempos mais próximos, venha a falar mais de futebol, do GRAP e do meu neto. Tendo eu esta excelente oportunidade de poder conviver com o Guilherme, sem a preocupação de lhe estar a ocupar o tempo de estudo, durante a semana, como haveria eu de desperdiçá-la? Além do mais, o Futebol é um desporto como outro qualquer. Que faz muito bem às crianças desta idade. Não é por o Guilherme ser meu neto mas ele até tem jeito para as actividades desportivas. Antes de ingressar este ano no Futebol praticou Natação no Académico de Leiria, durante vários anos, onde demonstrou excelentes qualidades desportivas. Já tem lá em casa várias medalhas.
A sequência fotográfica que ilustra este post poderá ser legendada como segue: (de cima para baixo).
1 - Uma equipa de Futebol do Caranguejeira tirada em 1966. Por coincidência cheguei a estas terras de Leiria, pelos vistos para cá ficar, precisamente nesse já longínquo ano de 1966;
2 - Como se pode ver o U.D. Caranguejeira foi formalmente constituído em 1978;
3 - O Guilherme, com o nº 37 do GRAP, prepara-se para reentrar em campo. Jogou cerca de 20 minutos da 1ª parte e outro tanto tempo na 2ª parte. Marcou um golo de belo efeito, apesar de jogar na posição de médio ala direito. Estes jogos são compostos de duas partes de 25 minutos cada; o GRAP acabou por ganhar por 12-4. Parece que andam a disputar um torneio particular.
4 - Ao regressarmos a Leiria (melhor dizendo à Barreira) para almoçar, passámos pela localidade de Cardosos, na estrada Fátima-Leiria. Finalmente, tive o ensejo de fotografar este belo espécime de Carvalho, que me vem atraindo a atenção há já muitos anos.
...
Não me alongo mais por ora, que tenho a esperança de ter mais ocasiões para abordar este tema relacionado com outras localidades.

2008/11/15

Paz, Futebol, Educação, Pousos - Leiria

Pousos - Leiria. Últimos retoques na instalação do piso sintético num dos campos desportivos nos Pousos. O conjunto é constituído por este campo e outro de dimensões menores, instalações balneares e pavilhão poli-desportivo. Investimentos a cargo da "Leirisport" em parceria com a Junta de Freguesia dos Pousos. o GRAP é a associação que está a dinamizar a utilização destas belíssimas instalações. Dispõe de Escola de Futebol nos vários escalões etários. Os pais dos jovens que praticam aqui desporto pagam uma mensalidade, que está a constituir a principal fonte de receita do Clube. Claro que também há receitas de publicidade e eventuais subsídios.
Temos que convir que estas acções são extremamente úteis ao normal crescimento dos jovens. Na condição imperiosa de serem acompanhadas pela supervisão dos pais no que respeita ao bom aproveitamento do seu desempenho escolar. Assim as próprias Escolas propriamente ditas funcionem em Paz e sossego!!!... Ao menos o sugerido pelo belíssimo recorte das árvores que bordejam o campo!

Há dias realizou-se no campo mais pequeno um jogo de futebol de sete, de crianças do escalão dos 10 anos, de treino e convívio, entre o S.C. Leiria e Marrazes e o GRAP. As duas equipas acabaram empatadas a 5-5. A fotografia capta o preciso momento em que o GRAP, por intermédio do António (quem sabe se qualquer dia ainda não ouviremos falar dele?...) acaba de marcar um golo de penalty. O Guilherme, meu neto, que até tem jeito para o Desporto em geral, participou deste jogo e marcou um golo muito festejado pela sua equipa (GRAP). Foi ao marcar um canto. Parece que fez uma "tribela" e o guarda-redes atrapalhou-se deixando que a bola fosse beijar as malhas do fundo da sua baliza.
Posted by Picasa