2009/08/06

Árvore que já foi de Leiria - Eucalipto-de-flor-vermelha



Seguindo-se este link deparamo-nos com uma das árvores mais bonitas e carismáticas que havia em Leiria: O Eucalipto-de-Flor-Vermelha.

Há dias fui surpreendido com o seu desaparecimento. Ainda não consegui indagar se terá sido transplantada, mas não me parece. Um dia destes vou perguntar do destino que terão dado àquela árvore!...Receando que ela tenha sido, pura e simplesmente, derrubada. Deus queira que esteja enganado!
(Infelizmente confirmei hoje, 7/8/2009, que esta árvore foi abatida. Impiedosamente. Não era uma árvore velha, doente, carcomida pelo tempo. Era duma beleza extraordinária. A Câmara de Leiria invocou que não tinha meios para proceder à sua transplantação!?... Há árvores que deviam morrer de pé. Esta era uma delas!) (*)
Posso informar os leitores deste blogue que o post acima linkado tem sido o que mais curiosidade tem suscitado aos bloguistas de quase todo o Mundo. As pessoas não se cansavam de admirar aquelas belas flores e os frutos típicos e muito originais em forma de pipo, de tamanho razoável, bem visível e agradável de observar. Chegaram a pedir-me para tentar enviar-lhes sementes pelo correio.

Já não é a primeira vez que envio sementes de árvores que tenho mostrado neste blogue, principalmente para o Brasil. O Freixo é uma outra árvore cujas sementes também já me solicitaram.

É muito provável que as obras em curso nesta Escola sejam consideradas inadiáveis e imprescindíveis para o bom desempenho deste excelente estabelecimento de Ensino. De qualquer modo, espero que, no mínimo, tenham poupado aquele belo e espectacular espécime de "Eucalipto-de-flor-vermelha", que é bastante raro em todo o Mundo. Em Portugal tive conhecimento que haveria poucas dezenas destes espécimes espalhados pelo País fora. Posso dizer que já vi outros, mas nada que se compare com a maravilha que era este que agora foi derrubado.

Uma pena, se não o aproveitaram.

Vou indagar se alguém teve a sensibilidade suficiente para poupar aquela bela árvore!... (*)

Lamento profundamente que este Eucalipto possa ter sido derrubado, como tudo indicia.

O local é a Escola Secundária Domingues Sequeira, em Leiria. Observei obras de vulto e em grande ritmo. A aproveitar o período de férias, com toda a certeza.

9 comentários:

Vieira Calado disse...

OlÁ,amigo!

Eu sou um dos que não sabia da existência desses eucaliptos.

Espero que não acabem com eles...

Um forte abraço.

Fernanda disse...

O blogue Diverse texts and short stories
atribuiu a este blogue o prémio “COMPROMETIDOS Y MAS 2009”

Fernanda

Fernanda disse...

Amigo António,

Pelo empenho demonstrado em vários dos seus textos em causas nobres, as quais englobam, na sua quase totalidade as razões para a atribuição deste prémio,ele é mais do que merecido.
Bem-haja por isso e continue...temos todos responsabilidades no actual estado do Planeta, a todos os níveis...temos a obrigação de pelo menos tentar corrigir parte dos nossos erros.

Beijinhos
Fernanda (Ná)

as-nunes disse...

Amigo Calado
Fernanda amiga

É chocante a indiferença com que se projectam obras, desenhos de bastidor, cimento, cascalho,ferro às toneladas, sem se fazer uma prévia e sensível auditoria ao ambiente em que as obras vão ser implantadas!
Seria assim tão difícil evitar a perda de mais uma árvore? E não era uma árvore comum!
E não me venham com argumento de que se tratava dum eucalipto e, portanto, mais tarde ou mais cedo as suas raízes iam abalar os alicerces das construções!

Até nos esquecemos que, muito provavelmente, a Natureza acabará por sobreviver ao Homem à face da Terra!

Temos que ser mais exigentes em relação à defesa das árvores!
A vida do Homem sem árvores não é possível, como bem sabemos! e as árvores também são belas e fazem parte do equipamento necessário à sobrevivência e equilíbrio educacional do Homem!

Quanta inconsciência!

Alda M. Maia disse...

Que necessidade houve para abater esta árvore tão rara e linda?!

É-me muito difícil acreditar na falta de recursos da Câmara para o transplante desse exemplar.
O que houve foi unconsciência, indiferença, insensibilidade. Se assim não fosse, tudo seria feito sem problemas.
Um abraço
Alda

Lídia Borges disse...

A árvore é (era) magnífica.
Não é admissível a falta de consciência ecológica de detentores de cargos ligados à intervenção ambiental nas autarquias.
Gostaria de saber se antes de decisões como esta, existe o cuidado de ouvir pessoas entendidas e verdadeiramente interessadas na defesa da Natureza.
Duvido muito!


Obrigada!

Um beijo

Fernanda disse...

Amigo,
Te mais um prémio "selinho" no meu recente Blogue Na Casa do Rau.
Beijinho
Fernanda

Pandora disse...

Não acredito que a Cãmara não tenha meios , o que não querem é gastar dinheiro com o transplante. Teriam de esperar pelo inverno, e provavelmente pagar bem.
é triste mas é assim. Fazem sempre tudo ao contrário, até porque a escola poderia certamente albergar com essa árvore..
É muito triste.
Beijos

muipiti disse...

Olá amigo da Natureza, hoje mesmo ao passear a pé na minha zona vi uma àrvore carregada de flores lindissimas,nunca tinha reparado nela porque sem flor não chama a atençao e ao chegar a casa fui investigar e parece-me que é eucalipto de flor vermelha/rosa?.......de morrer carregada de abelhas e cheia de »blotas» no chao, apanhei e vou tentar reproduzir.....um abraço