Mostrar mensagens com a etiqueta fotografia e vídeo. Mostrar todas as mensagens
Mostrar mensagens com a etiqueta fotografia e vídeo. Mostrar todas as mensagens

2016/12/28

Kalinka


("Jamais se ouvirá de novo ao vivo aquela belíssima interpretação de "Kalinka" que lhe enviei há algum tempo; o grupo (à excepção do solista e de outro membro) estava no avião que se despenhou no Mar Negro." in fb de Rita Ferro ) 28dez2016
Ver vídeo original: https://youtu.be/TbML094nmmQ

Kalinka (Alfabeto Latino) (wi)

Kalinka, kalinka, kalinka moya!
V sadu yagoda malinka, malinka moya!
Kalinka, kalinka, kalinka moya!
V sadu yagoda malinka, malinka moya!
Ah! Pod sosnoyu, pod zelënoyu,
Spat polazhite vy menya.
Aj lyuli, lyuli, ai lyuli, lyuli,
Spat polazhite vy menya.
Kalinka, kalinka, kalinka moya!
V sadu yagoda malinka, malinka moya!
Kalinka, kalinka, kalinka moya!
V sadu yagoda malinka, malinka moya!
Ah! Sosënushka ty zelënaya,
Ne shumi zhe nado mnoj!
Aj lyuli, lyuli, ai lyuli, lyuli,
Ne shumi zhe nado mnoj!
Kalinka, kalinka, kalinka moya!
V sadu yagoda malinka, malinka moya!
Kalinka, kalinka, kalinka moya!
V sadu yagoda malinka, malinka moya!
Ah! Krasavitsa, dusha devitsa,
Polyubi zhe ty menya!
Aj lyuli, lyuli, ai lyuli, lyuli,
Polyubi zhe ty menya!

Kalinka, kalinka, kalinka moya!
V sadu yagoda malinka, malinka moya!
Kalinka, kalinka, kalinka moya!
V sadu yagoda malinka, malinka moya!

2016/11/17

pelo meu jardim com Leonard Cohen - Suzanne


Enquanto o tempo não enjoa, que já vejo nuvens a Este, tocadas a vento, ligeiro por enquanto, vindo de norte, escuras, cinzento-escuro, no momento em que estou a fazer esta edição.
Por volta do meio dia dei um giro pelo meu jardim de máquina fotográfica na mão para uma sessão de fotografia. O tempo estava majestoso, sol a rodos, temperatura amena.
Lembrei-me de fotografar vários aspetos do chão, que tenho andado, ao longo destes últimos 25 anos, a construir pelas minhas próprias mãos.
Quando vim para aqui morar, casa comprada a prestações ao banco, ainda era tempo de juros que chegaram a atingir os 24%, todo o chão, aqui à volta, era em terra batida, simplesmente.
Um dia destes ainda aqui mostro uma fotografia de helicóptero que me tiraram à casa. Talvez em 1995. Vê-se um bocadito de erva/relva, o princípio dum caminho, nada mais.
Foi a melhor forma que encontrei para ouvir, mais uma vez, Leonard Cohen, na sua canção "Suzanne"...
... e recordo o Ateneu Desportivo de Leiria, com o que sobrou duma placa de sinalização dum jacarandá que ainda vive no Largo da Sé, em Leiria. Na altura, aquele Largo, assim como outros sítios da zona histórica, andavam em obras de repavimentação. Este painel andou aos rebolões pelo chão, quis entregá-lo aos serviços, não ligaram ao assunto, que tipo mais esquisito, para que serve esta coisa, vai daí, guardei-o, durante meses, ao fundo das escadas do prédio. Voltei a falar no assunto, ninguém se importou, coisa de somenos importância. 
E pronto. Acabei por o integrar no painel de caminhos e recantos calcetados do meu jardim...
Todos os que foram colocados na Praça Rodrigues Lobo, pelo menos esses, estão completamente apagados. As pessoas encostam-se às árvores e apoiam um pé, no painel, os anos passam e o desgaste é inevitável. É pena.
Por altura da colocação desses painéis identificativos no solo, junto a árvores e arbustos, pela cidade de Leiria, estávamos a comemorar 50 anos desde que o Ateneu Desportivo de Leiria foi criado. Mais precisamente, no dia 1 de Março de 1997.
Cheguei a fazer parte duma direção nos anos 80.

2016/06/20

2016/02/13

2016 02 13 - Neste dia, em 1947, cheguei a este planeta. Hoje também é d...



Para evitar equívocos futebolísticos, sou Benfiquista dos sete costados. A foto dum jardim com um leão envolto num cachecol do SCP que aqui aparece, acontece por acaso. Dei uma volta pelos arredores cá de casa, na freguesia da Barreira, ali para os lados da Mourã com o rio Lena cheio de água e flores numa primavera que se avizinha temporã, apesar do tempo estar farrusco.

2015/03/25

Vistas panorâmicas Sra. do Monte, Serra da Maúnça. Também N. Sra. da Oliveira





Subi à Sra. do Monte e à Serra da Maúnça - Leiria (Portugal), tinha vontade de observar as vistas panorâmicas à volta desta área da cordilheira das Serras d´Aire e Candeeiros. Pelo caminho fotografei um painel de azulejos alusivos à N. Sra. da Oliveira (por sinal que também leva a Fátima). Dá-se o caso, também, que N. Sra. da Oliveira é a padroeira referenciada no Solar do General Oliveira Simões, na Barreira. http://dispersamente.blogspot.pt/…/General%20Oliveira%20Sim…

2015/03/09

Nazaré com Graças à Vida




Um domingo soalheiro. Ainda é inverno. Mas parece primavera. É ela a querer mostrar-se para nos animar, com certeza.

Eu e a Zaida levámos a D. Eva Paiva, que há dias fez 96 anos, a passear, que só assim é que ela se apercebe da vida real à sua volta. E como fica deslumbrada com o que vê, apesar das "cataratas"!

Já só consegue deslocar-se de cadeira de rodas, apesar de não estar acamada. Está lúcida e diz que ainda vai chegar aos 100 anos, "que não sente a morte..." Está linda e sabe-o, por isso é muito "peneirenta", gosta muito de se arranjar, também muito incentivada pela filha, a Zaida.

Tirei-lhe várias fotografias e aproveitei para captar mais uns momentos, sempre incríveis, do ar da Nazaré.

E fiz este vídeo. Técnica básica, mas que, mesmo assim, requer muito trabalho... Faço-o por gosto, para mostrar as minhas fotografias, para que fique o registo daqueles momentos...

Espero que gostem... 
-
Mãe Eva e a filha, Zaida Paiva Nunes. E a Tina, ao colo.

Eva Paiva, 96 anos, na Nazaré, ao lanche: um sumo de laranja natural e uma tosta mista.

2015/01/31

Vídeo da lua em quarto crescente e fundo musical com a voz de Zeca Afonso. A guitarra deve ser a de Rui Pato




Publicação de as-nunes


2015/01/03

Imagine de John Lennon - VIVER em PAZ e com Dignidade.



Imagine

Imagine there's no heaven
It's easy if you try
No hell below us
Above us only sky
Imagine all the people
Living for today

Imagine there's no countries
It isn't hard to do
Nothing to kill or die for
And no religion too
Imagine all the people
Living life in peace

You may say
I'm a dreamer
But I'm not the only one
I hope some day
You'll join us
And the world will be as one

Imagine no possessions
I wonder if you can
No need for greed or hunger
A brotherhood of man
Imagine all the people
Sharing all the world

You may say
I'm a dreamer
But I'm not the only one
I hope some day
You'll join us
And the world will live as one
conforme http://letras.mus.br/john-lennon/90/traducao.html ver vídeo em https://www.facebook.com/video.php?v=10200107581009257

Imagine

Imagine que não há paraíso
É fácil se você tentar
Nenhum inferno abaixo de nós
Acima de nós apenas o céu
Imagine todas as pessoas
Vivendo para o hoje

Imagine não existir países
Não é difícil de fazer
Nada pelo que matar ou morrer
E nenhuma religião também
Imagine todas as pessoas
Vivendo a vida em paz

Você pode dizer
Que sou um sonhador
Mas não sou o único
Tenho a esperança de que um dia
Você se juntará a nós
E o mundo será como um só

Imagine não existir posses
Me pergunto se você consegue
Sem necessidade de ganância ou fome
Uma irmandade do Homem
Imagine todas as pessoas
Compartilhando todo o mundo

Você pode dizer
Que sou um sonhador
Mas não sou o único
Tenho a esperança de que um dia
Você se juntará a nós
E o mundo viverá como um só

2014/08/29

Agosto 28, 2014 - Poente no Centro Oeste de Portugal


Vídeo sob montagem de fotografias acabadas de tirar para capturar o admirável pôr do sol  que estava a observar, no centro oeste de Portugal, a uns 30 kilómetros do Atlântico... A música, a "Ballade pour Adeline",  é de André Rieu e a sua orquestra.

O dia estava a fechar. Um dia de trabalho de pintura no interior de casa. Um dia extenuante. 
Vim à varanda olhar o tempo que fazia. O crepúsculo noturno aí estava ele. 
Bonito. 
Uma balada...

ps
Podem-se observar com calma as fotos do vídeo aqui.