2011/11/14

O rapazito, um gato bravo




Quem diria, o «rapazito», com este seu ar de carneiro mal mortoé um gato duma bravura, que atinge, por vezes, as raias da loucura!

Sim, senhoras e senhores!

Estava-se a preparar uma chuvada das antigas, como se pode adivinhar pela foto superior, tirada aqui de cima do alto dos Lourais, na freguesia da Barreira. O que vale é que a água segue direitinha, a alta velocidade, rua abaixo, para o rio Lis.

Que não chova neste ritmo e com esta violência, como aconteceu hoje, durante muito tempo, quando não ainda o viaduto sobre o vale do Lis (IC36) acaba por ir água abaixo!

É que o rio Lis corre mansamente, romanticamente, por entre ulmeiros, salgueiros, freixos e choupos enquanto não é provocado. Quando a chuva é muita e cai forte tembém o Lis se pode tornar bruto que nem 7 carradas de mato!
@as-nunes

7 comentários:

Luís Coelho disse...

Bom dia Nunes
Parabéns por este texto com expressões tão populares que há muito nem leio nem ouço.

"sete carradas de mato"
"ir tudo por água abaixo"
"carneiro mal morto"

Relembrar tudo isto ajuda a entender o vendaval que ontem, durante a tarde, nos visitou

Rosa dos Ventos disse...

Ninguém consegue travar as enchentes!
Que os viadutos em construção aguentem tanta chuva!

Maria João disse...

Até a natureza nos desconcerta, enquanto nos espantamos dos seus excessos. Muito calor ou fora do seu tempo, como ainda há pouco, ou chuva, muita chuva a tornar periclitantes as estruturas que temos como certas.

E o seu gato... sim, o "rapazito", que esconde bravuras de gato, claro está, debaixo do alvo pelo?
Naturezas...

Um abraço, António

Eduardo Miguel Pereira disse...

Parece que isso ontem por aí esteve complicado.

Mas que belo bichano esse ! fazia aqui boa companhia à minha "babinha" que é uma bela gatinha amarela.

Henrique ANTUNES FERREIRA disse...

Nunesamigo

Pelos vistos o bichano não é gato para de água fria, mesmo que esteja escaldado, não ter medo... É d'homem!...

Viva ele! e nos tempos que vão correndo, um homem tem cagunfa e o gato não tem!

Abç

as-nunes disse...

É bem verdade, por enquanto...
Depois da tempestade vem a bonança!
Meteorologicamente falando, para já.

Será que o mundo, a Europa, Portugal, entrará, em breve, numa zona de bonança? Que bom seria, com ventos de feição então seria ouro sobre azul.

Abraços

Pelo sim pelo não já tirei umas fotos que bem poderão ajudar a animar a malta!

f@ disse...

Pois 0s caminhos da água...
mto bom que correm...
conheço esta forma de ler e dizer da chuva...
bj
depois deixo aqui o link da música mas o melhor mesmo é carregar no meu e ir directo ao you tube...