2012/03/04

PT: pago 15 Mb/s e é isto! ... e a TDT?



Se isto não é roubalheira, o que será então?!...
- Já agora:

TDT - A vergonha nacional... sabiam disto? 




"TDT é um imposto disfarçado para ver televisão".
Ontem, num debate proposto pelo PCP sobre a TDT (Televisão Digital Terrestre) ficou provado, mais uma vez, que podíamos ter muitos mais canais gratuitos e não uns míseros 4 canais.
Esta operação foi um tremendo negócio para a PT.

Curiosidade: Alemanha tem 20 canais gratuitos; França tem 29 canais gratuitos; Espanha tem 20 canais gratuitos; Itália 27 tem canais gratuitos; Reino Unido tem 38 canais gratuitos.
O Governo podia ter incluído mais canais, mas não o fez para manter o negócio de alguns «tubarões»...
ESTAMOS A SER ROUBADOS.

(fragmento de um e-mail que circula na internet)

@as-nunes

4 comentários:

tulipa disse...

Gostei das fotos das ameixoeiras em flor...
Gostei de ler "Ensaio sobre a ausência"...
gosto de vir aqui.

No meu blog, mais uma vez, um post com palavras de Lya Luft.

LYA LUFT
afirma que hoje prefere ficar quieta consigo mesma.
Já casou demais.
Já enviuvou demais.
Não se imagina mais vivendo ao lado de ninguém. Mas não quer desprezar os encantamentos que surgem por seu caminho.

Lya afirma ter sido um privilégio ter conhecido e vivido com dois homens que muito lhe ensinaram.

Sua visão do masculino é muito positiva.

Foram três homens, na verdade, que a influenciaram e percorreram sua vida,
erguendo seu rosto, seu percurso,
abrindo seus rumos:
seu pai, Arthur Germano Fett, que considerava um homem culto, amigo e também solitário;

seu cúmplice, Celso Pedro Luft, de quem herdou o sobrenome;
e Hélio Pellegrino.
Três homens inesquecíveis. Que sempre vão permanecer nas palavras, nos pensamentos,
nos acenos possíveis.

António
A vida é tão inconstante
uns momentos tão felizes
e outros tão amargos
tudo parece perfeito
e, de repente, nada é perfeito.

Beijinho
tudo de bom desejo.

Rogério Pereira disse...

A institucionalização do roubo, define o regime: chamam-lhe democracia de um estado de direito (tudo a letra pequena, o que é pena)

Graça Sampaio disse...

E nós somos os mesmos tristes de sempre! Enganados por todos! Uns tristes! E vigarizados. E vigaristas, claro!

as-nunes disse...

Meus amigos

Peço-vos imensa desculpa pela minha ingratidão em não ser tão assíduo a escrever os devidos e merecidos comentários nos vossos blogues mas a vida por estes lados anda assim um tanto aos repelões.
Espero bem que as coisas normalizem rapidamente para ver se a necessária calma volte.

Obrigado pelas visitas, um grande abraço