2012/04/03

As árvores, os pássaros, a primavera...e o outono?!



Os pássaros nascem na ponta das árvores
As árvores que eu vejo em vez de fruto dão pássaros
Os pássaros são o fruto mais vivo das árvores 
Os pássaros começam onde as árvores acabam
Os pássaros fazem cantar as árvores
Ao chegar aos pássaros as árvores engrossam movimentam-se.
deixam o reino vegetal para passar a pertencer ao reino animal
Como pássaros poisam as folhas na terra
quando o outono desce veladamente sobre os campos
Gostaria de dizer que os pássaros emanam das árvores
mas deixo essa forma de dizer ao romancista
é complicada e não se dá bem na poesia
não foi ainda isolada da filosofia
Eu amo as árvores principalmente as que dão pássaros
Quem é que lá os pendura nos ramos?
De quem é a mão a inúmera mão?
Eu passo e muda-se-me o coração



Ruy Belo

Algumas proposições com pássaros e árvores que o poeta remata com uma referência ao coração pp 81 "Na Margem da Alegria" poemas escolhidos por Manuel Gusmão ed. Assírio & Alvim - 2011

5 comentários:

BlueShell disse...

Um abela escolha...Gostei de reler!
Obrigada pela partilha,
BShell
(aqui agora já chove um pouco)...esperemos que chova mais senão é uma desgraça.
Bj

Rogério Pereira disse...

Os pássaros são árvores que aprenderam a voar

as-nunes disse...

Blue Shell

É verdade, é que só o poético não chega, o Homem foi concebido (sabe-se lá porquê) para viver em simbiose com toda a Natureza.
E o essencial é a água.

Logo!...

Bj

as-nunes disse...

Rogério Pereira

Ruy Belo é um expoente dos mais altos da nossa literatura, sem dúvida.

Mas a verdade é que há árvores e árvores, aquelas em que os pássaros se sentem bem, hão-de ter uma qualidade particular, por isso bem podemos dizer que se poderá gostar mais das árvores que dão pássaros.

Bem...divagações poéticas, mas não só!
...

Paulo Roberto Wovst Leite disse...

Sim Ántonio!

O pecado tá nos olhos de quem vê, nos olha do alto de sua moralidade. Não se despe de rótulos...

Sigamos em frente!

Grande abraço, amigo.
Paulo.