2007/03/30

15.000

O meu contador de visitantes da http://www.digits.com/ acabou (30-3-2007) de marcar o número interessante de 15.000. Este contador tem a particularidade de contar somente uma vez por dia, o mesmo visitante, incluindo o autor.
Vim para o mundo dos blogues no princípio de 2006, ainda que tenha andado em testes já desde Novembro de 2005. Devo frisar, no entanto, que já participo (aqui), desde 1998, duma forma activa, na Net, através de variadíssimas páginas Web por mim construídas, duma forma primária é certo, mas sempre com a intenção e emoção de dar o meu modesto contributo para a evolução desta impressionante tecnologia das comunicações e para a infinita abrangência da grande base de dados, que se encontra à nossa disposição em toda a World Wide Web.
Entusiasmei-me com este modo de comunicar com pessoas de todos os quadrantes geográficos e sociais. Sinto que estou a conseguir integrar-me numa tertúlia, talvez mais que uma, com amigos quase todos virtuais, que mal os conheço, aliás, fisionomicamente não conheço a maior parte deles/as, mas começa a ser como se os estivesse a ver, a observar os seus gestos, a sentir-me bem à conversa com eles, quantas vezes a trocarmos ideias e imagens que nos dizem muita coisa interessante.
Sinto-me feliz, rodeado deste mundo de amigos “virtuais”, alguns que já não considero assim tão virtuais como isso.
Provavelmente como a maior parte dos bloguistas amadores, experimentalistas, curiosos no uso desta fenomenal ferramenta que a Net nos está a colocar aqui mesmo à nossa mão, quase que nem necessitamos de saber nada de informática, basta termos a noção do que é navegar na Rede Global, etérea e quantas vezes quase isotérica, tenho momentos em que me interrogo se consigo desempenhar algum papel de alguma relevância, que valha a pena, que acrescente algo ao que se anda a fazer…
…De interrogação em interrogação aqui ando neste mar, ora revolto, ora chão, ora soprado por uma brisa inconstante, dispersa…
DISPERSAMENTE… ................aqui me encontrarão até concluir que é tempo de zarpar, emalar a roupa e rumar para outras paragens!
Por enquanto sinto-me bem, aqui!…
Este texto saiu-me assim, num repente, emocional, edição simples, sem imagem, sem som...

Talvez que ainda aqui coloque alguma imagem, foto(1)(2)(3).
Gosto imenso de fotografar. Aliás, se não fosse a fotografia, instantânea, sem retoques de photoshop e outros que tais, tenho a impressão que não conseguiria arranjar inspiração para nada de jeito, do meu jeito, em jeito de experiências, sentimentalão, rezingão, resmungando aqui e ali...
Muito obrigado pelas vossas visitas, pelos vossos comentários. Talvez que um dia destes possamos encontrar-nos na vertical de algum lugar físico, frente a frente, olhos nos olhos, de viva voz, talvez!…
Um grande abraço para todos os que me lerem!
Até já...

Leiria-Portugal, 30/31 de Março de 2007, 1 de Abril de 2007
António Nunes
(1) A cerejeira do meu jardim, em flor
(2) Da janela do meu quarto, 1-4-2007

(3) Um melro a cantar, empoleirado nas antenas da minha estação de radioamador. O melro é um cantor de mérito, de melodias sensíveis e sonoras ao mesmo tempo. 1-4-2007.


9 comentários:

juvepp disse...

Obrigado pela força. Voltarei cá com mais tempo. Quanto à Madeira se lá voltasse iria gostar ainda mais. Os túneis dão muito jeito. Um abraço

Guilherme Roesler disse...

ANS,

muito obrigado pelas gentis palavras com que se refere ao meu singelo espaço.

Parabens tambem pelas 15.000 visitas, e, tenha, certeza, contribuí com algumas destas muitas visitas.

Abraços, Guilherme

asn disse...

Obrigado amigos
Este post não é mais que uma nota de reflexão estatística sobre o intercâmbio de ideias e sentimentos que se pode estabelecer na blogosfera. A verdade é que já somos tantos (fala-se em 90 milhões por esse Mundo fora) que acabamos, por materialmente ser impossível outra opção,em nos dividirmos em tertúlias, que, de quando em quando dão umas sortidas por aí a ver como vão as coisas por outros lados.
Um grande abraço
António

Arte por um Canudo 2 (No Sapo) disse...

E com muito orgunho faço parte desses amigos virtuais.Uma coisa é certa António, tens muita facilidade em escrever e deixar as tuas opiniões o que leva muitos a passarem por aqui assim como eu. Sentir na tua escrita o que dizes é sempre um bom conselho.Obrigado e um grande abraço.

Kalinka disse...

OLÁ ANTÓNIO

Muito obrigado pelas palavras tão doces que deixa cada vez que me visita.

Por cá, a última semana foi atribulada; começou muito mal, aos poucos foi melhorando... e, ontem, sábado culminou no melhor possível.
Uma Amiga da blogoesfera que tinha conhecido há 2 semanas quando visitei o Algarve, sabendo do meu estado depressivo, ofereceu-se para ser minha companheira para um dia de lazer... que bom que foi, lógico que aceitei, é de muitos momentos como os de hoje que eu preciso.
...e, peço a Deus que pela minha vida fora eu encontre outras Antónias, Suzetes e outras Ivones como as genuínas que ontem conheci e, o bem que me fez estar na companhia delas.
Ofereço a elas e a todas as mulheres do Mundo, estas belas flores.

BOA SEMANA.

NOTA: estou a divulgar o «Jantar da Primavera» que se realizará dia 14 de Abril. Olhe, que temos «alguém» que vem de Leiria também.

Flor disse...

Oi amigo ! Parabéns pelo numero de vistas ! Vc merece pois sempre tem algo de interessante para nós , beijinho alem mar!

al cardoso disse...

Os meus siceros parabens, pois continue a escrever e a fotografar.

Um abraco com desejos de feliz Pascoa, desde os "states", deste amigo d'Algodres.

asn disse...

Vou à cidade. Pois. Moro a 5 km do centro de Leiria!...
Uma cidade pequena, mas é bom cá viver!
Obrigado, meus amigos/as pelas vossas palavras.
Força Kalinka, mais não posso fazer. Então mas quem é que vai de Leiria? Não sabia desse "Jantar da Primavera"! Ao vivo?
Bj e abraços
António

Anónimo disse...

http://prixviagragenerique50mg.net/ viagra
http://prezzoviagraitalia.net/ costo viagra
http://precioviagraespana.net/ viagra