2006/11/19

Um Sábado em pleno

De manhã. Jardinagem. E creiam que não foi só como passatempo. Isto de se ter um jardim concebido e mantido por um casal de pré-velhotes (?!...) começa a ser uma tarefa um tanto pesada. Mas as contrapartidas são compensadoras. Esta cumplicidade que conseguimos manter com as plantas, árvores e arbustos, as flores, caminhos rústicos (construídos com o tempo e ao sabor da forma como a água das chuvas corre em dias de muita precipitação) é realmente um bálsamo retemperador das forças que nos vão faltando e que dia a dia nos vão pondo à prova!...
-
De tarde lá foi a família toda ver o Gui às piscinas Municipais de Leiria a participar no "Festival dos Tubarões".
-
.

.

.

.

.

.

À noite, começámos por ir à "Festa da Luz" na Igreja do Telheiro. O Gui, no 3º ano de catequese, foi participar na cerimónia, muito simbólica nesta fase de sensibilização para a religião católica, do reacendimento da vela do baptismo. A cerimónia consiste em renovar a Luz da vela do baptismo com a luz recolhida do Círio Pascal.
Uma cerimónia cheia de simbolismo e carregada de significado...

-
A partir das 21 horas, sessão de lançamento do livro "Artur Agostinho" - 50 perguntas, da autoria de Adélio Amaro, que passará a ser o 1º de uma nova colecção que vai apresentar várias personalidades de relevo nacional utilizando o formato "50 perguntas, 50 respostas".
O Autor e o personagem central do livro, Artur Agostinho, presentearam a asistência com brilhantes palestras.
A apresentação do livro esteve a cargo do Dr. Acácio de Sousa, Director do Arquivo Distrital de Leiria.
Todos os membos da Mesa usaram da palavra, permitndo-me eu, refeir a intervenção da Dra. Emíla Maria Agostinho, presidente da Associação humanitária "A nossa âncora", a favor da qual reverte uma parte da receita da venda deste livro. Custa somente 10 euros.
Através da sequência fotográfica que a seguir se apresenta poder-se-á ficar com uma ideia do quão interessante se revelou este serão:


Da esquerda para a direita: Adelino Mendes, em representação do Governador Civil de Leiria; Acácio de Sousa, Adélio Amaro, Artur Agostinho, Isabel Damasceno (Presidente da C.M. de Leiria), Américo Batista Santos (Juiz jubilado) e Emília Agostinho (filha de Artur Agostinho). Na parte extrema da esquerda da Mesa estava presente Vitor Ramos, artista plástico e indefectível amigo de Artur Agostinho, que estava no uso da palavra e não ficou nesta fotografia, visualmente, mas as suas palavras pressentem-se, pelo menos para quem o conhece e para quem esteve no Auditório da Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Leiria.


Mais pormenores sobre esta nobre associação em www.anossaancora.pt

Grupo Coral Cantábilis sob a orientação do Maestro Vicente Narciso. Uma brilhante actuação, interpretando "Camarinhas" (1 das 1027 recolhas do Cancioneiro Popular da Câmara Municipal de Leiria), "Um pequeno quadro", de Afonso Lopes Vieira e "Leiria", de Marta Azevedo.

Tuna "Tuma Acanénica da Escola Superior de Educação de Leiria", organizadora que é do "Real Festival das Tunas Académicas", no decorrer do qual atribuem o Prémio D. Dinis, seu patrono.

Interpretaram "Fausto", "Fado a Leiria" e "Serenata".

-

Seguiu-se uma sessão de fados pelo grupo "Entre Linhas". Uma actuação muito agradável.

-

Por último, teve lugar a sessão de autógrafos concedidos pelo autor, Adélio Amaro e pelo homenageado, Artur Agostinho, que foi quem me deu, nessa altura, a triste notícia de que o Benfica, que jogava nessa noite, tinha acabado de perder 3-1 com o Braga. Mais um ano de desengano no horizonte dos Benfiquistas!...

-

* Mais pormenores sobre este livro em

http://dispersamente.blogspot.com/2006/11/um-livro-sobre-artur-agostinho.html

e http://folhetoedicoesdesign.blogspot.com

7 comentários:

Arte por um Canudo 2 disse...

Um dia em cheio.Momentos únicos que ficam na recordação.Desde o Gui a Artur Agostinho fica um dia cheio de memórias.Parabéns a ambos. Um abraço António

Menina_marota disse...

Realmente, um dia em cheio...
Bem... eu andei a pesquisar e descobri outra pérola...
Quer vir ler?
Um abraço e boa semana ;)

Francisca Silva disse...

Olá António
Passei para te visitar e deixar o meu obrigada, pelos teus comentários.

Beijinhos
Chicailheu

asn disse...

Agostinho:
É sempre com muito gosto que recebo as tuas visitas.
-
menina_marota:
Já lhe deixei um comentário no seu blog, mas tenho que reiterar aquilo que penso relativamente à poesia de Acácio de Paiva. Simples no versejar mas com um espírito simultaneamente bucólico e humorístico de invejar.
Vejo que a sua poesia encontrou um sítio lindo onde se está a reencontrar nesta vida...
Um grande abraço
António
-
Francisca
É com muita satisfação que te reencontro nestas bandas, apesar de saber da tua actividade em contínuo nesta esfera bloguística.
Espero que esteja tudo bem contigo.
Beijinhos, também, desde Leiria.
António

Kalinka disse...

OLÁ ANTÓNIO
tal como já lhe disse, espero pela sua visita no kalynka.

Vi pela TV que iria acontecer o lançamento do livro das 50 respostas de Artur Agostinho. Não sabia que o amigo teve esse privilégio...de estar no Auditório da Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Leiria, lado a lado com Artur Agostinho.
Parabéns. Foi mesmo um dia em cheio

Beijo + abraços

al cardoso disse...

Perderam em Braga, mas ganharam para a Europa ontem com o mesmo resultado!

Quanto ao resto do post. o meu amigo sempre atento.

Um abraco serrano.

asn disse...

Pois é, al, nunca se sabe quando é que estes jogadores que servem o Benfica, são capazes de fazer um bom resultado ou uma bodega de todo o tamanho.
Ai o tempo dos Costas Pereiras, Germanos, José Augusto, Águas, Torres, Coluna e Simões!
Adeus!
E até o Artur Agostinho, Sportinguista ferrenho, era capaz de gritar com entusiasmo: "Gooooooooolo do Benfica!".
Um abraço.